NOTÍCIAS

Do lixo ao luxo

21/06/2018 08:39:07

Depois de utilizar o último pedaço de linha para costurar a barra da calça, Sonia se desfaz do rolo no qual o fio se envolvia. Assim como ela, outras tantas costureiras dão o mesmo destino para o material, que após não conter mais linha ao seu redor, torna-se inútil. Não muito distante, Osmar retira o banner que estampa a fachada de sua loja e sem pensar duas vezes coloca-o na mesma lixeira na qual os tantos rolos de linha foram depositados. No mesmo dia, o caminhão do Verde Vida coleta os materiais descartados e transporta-os até a sede da Instituição, para realizar a separação. Ao fim do ciclo, os rolos e o banner encontrados, são levados até outra sala e entregues para Luli, a professora que transforma materiais descartados em peças reutilizáveis.

Entre tecidos doados e molduras descartadas, Lourdes Maria Fredo, conhecida como Luli, cria, desenvolve e transforma tudo que foi deixado de lado, em sacolas, chinelos e esculturas de argila. Para ela, reutilizar é uma forma de ajudar o meio ambiente e, além disso, gerar outras formas de renda. Professora há pouco mais de um ano na Oficina de Artes do Verde Vida, Luli anima-se ao falar sobre cada novo projeto a ser desenvolvido. Uma de suas últimas ideias foi criar uma sacola retornável utilizando banner, linha e madeira.

Luli conta que desde pequena sempre gostou de reutilizar materiais. “Meu pai me chamava de lixeira, porque eu sempre fui de guardar as coisas pra criar algo novo”, comenta. Nas oficinas que oferece na Instituição, a professora de 66 anos, ensina seus alunos a desenvolverem peças criativas e cheias de cor. Em suas aulas, utiliza de materiais descartáveis para transformar “lixo” em arte.

Hoje, 62 criança e jovens participam de sua Oficina, que acontece duas vezes por semana, segundas e sextas-feiras. Além disso, nas terças-feiras a noite, Luli dedica-se a ensinar costura para suas 10 alunas. As aulas são regadas de aprendizado e dedicação. No últimos dias, a atividade desenvolvida, consiste em produzir pantufas de forma manual. Para Luli, o Verde Vida proporciona experiências incríveis, tanto para ela como professora, quanto para todos os alunos que participam do Programa diariamente.

Além da Oficina de Artes, o Verde Vida oferece oficinas de Manicure, Violão, Circo, Informática, Teatro, Dança, Artesanato, Português, Violão, Percussão, Matemática, Violino, Desenho, Xadrez e Taekwondo. Hoje, as oficinas do Verde Vida atendem 112 alunos, de nove a 17 anos.

Veja Fotos

Materiais descartados tornam-se peças reutilizáveis nas mãos de Luli, professora da Oficina de Artes do Verde Vida.

Outras notícias

Rua Marechal Floriano
Peixoto, 2151-L
Bairro Bom Pastor
89.806-018 - Chapecó/SC
Fone: (49) 3322 2776
Fax: (49) 3322 2587
Recursos Humanos:
recursoshumanos@verdevida.org.br
Secretária:
secretaria@verdevida.org.br

Coordenador Executivo:
obalen@verdevida.org.br
Psicóloga:
aline-ricardi@hotmail.com
Administrativo Setor social:
socioeducativoverdevida@gmail.com
Assistente social:
sara_piaia@unochapeco.edu.br